Exposição o Traço e a Cor

Qualidade e beleza são alguns dos adjectivos que caracterizam esta exposição patente até 21 de Setembro de 2014 no edifício do museu Calouste Gulbenkian, com entrada pelo átrio da loja; atributos a que esta esta fundação já há muito nos habituou. Na antecâmera pode ler-se, anexo a uma fotografia de uma das salas da casa parisiense […]

Mudam-se os Tempos , Dias da musica 2014

Prometia-se musica para todos, cumpriu-se. Prometia-se animação, cumpriu-se. Prometia-se alegria, cumpriu-se. O sol brilhou com a intensidade de um verão antecipado, os jardins fervilharam de animação e vida e os sons melodiosos foram uma constante no primeiro fim de semana de Maio do calendário de 2014, mas afinal não era esse o motivo maior de […]

A propósito da exposição “como as cerejas”

O alvoroço é enorme, ouvem-se gritos e os risos saltam alegres no ar, sente-se gente mas gente pequena. Alguns debruçam-se sobre as malas abertas, com pernas altas e finas, para lhes espiolhar o conteúdo, a atenção essa depende da excitação que os chama para a brincadeira, e nas pausas da correria despreocupada observam atentamente com […]

Exposição Album de Família – Nelson D’Aires

Grande era minha expectativa neste conjunto de fotografias seleccionadas por Nelson D’Aires e ilustrativas do trabalho fantástico que desenvolveu transformando as imagens em argamassas da memoria, numa luta titânica contra o olvido a que os seres envolvidos estariam condenados não fora a deslumbrante atenção que lhes dedicou. Mas a realidade tem destas coisas, consegue sempre […]

Actividades na Tapada – Aguarela

Aguardava-se um dia soalheiro, primaveril mas o segundo domingo de Abril despertou cinzento embora com temperatura agradável. Na mochila pincéis, pigmentos e papel, elementos essenciais para a sessão de trabalho que reuniu um grupo de artistas numa proposta comum, pintar em aguarela. Talvez embalada pela musica das palavras, a memoria de ontem aviva-se e transfigura-se […]

Ribeira das naus

Acho que nas veias de todo o lusitano corre água salgada, ou não fossem eles os filhos do mar. O Tejo beija as margens, despindo-se sem nunca se desnudar tal o rendilhado da sua espuma. Sento-me no passadiço e vejo ao longe os mastros. Que altivez, como seria inebriante no tempo das naus, no tempo […]

O Peso do Paraíso

O jardim veste-se de ferro para receber o peso do paraíso, para uns negro e denso, para outros leve como bolas que enfeitam as copas das árvores, mas para todos uma esperança. No passadiço, entre dois lagos movimentados quer pela azafama dos patos que se banham quer pela pequenada que se delicia a soltar o […]

Exposição Paisagem nordica do museu do Prado

Foi com grande expectativa que visitei a exposição de pintura com quadros de Rubens, Brueghel e Lorrian, entre outros, patente no mais prestigiado museu nacional, o museu de arte antiga. As obras todas pertencentes ao espolio do equivalente museu do pais vizinho, o museu do Prado, apresentam como tema comum paisagens rurais e algumas marítimas. […]